Português (pt-PT)French (Fr)

Em foco

Mais empresas podem seguir Jerónimo Martins

Agravamento da carga fiscal em Portugal leva empresas a avaliar esquemas de planeamento fiscal fora do País.

O anúncio da venda dos 56% detidos pela principal accionista da Jerónimo Martins (JM), a Sociedade Francisco Manuel dos Santos (SFMS), à sua subsidiária holandesa marcou as últimas semanas. A operação virou as atenções para a Holanda e para os benefícios fiscais que oferece às empresas sedeadas neste país.

Continuar...
 

Lisboa é a 41.ª cidade com melhor qualidade de vida

Estudo da Mercer a 221 cidades do mundo elogia também a segurança.
Portugal pode ser lixo para as agências de rating financeiras, mas a capital continua a dar cartas em termos de bem-estar e segurança pública.
Continuar...
 

Governo regional alemão tenta captar empresas portuguesas

Agência de investimento de Frankfurt convida empresas nacionais a instalarem-se na região e alega que Alemanha é a força económica da Europa.
A Alemanha está a aproveitar a instabilidade económica para tentar captar investimento estrangeiro. Este é o objectivo da agência regional de investimento de Frankfurt, que nas últimas semanas tem vindo a enviar cartas a empresas portuguesas, e europeias, convidando-as a instalarem-se naquela região, com o argumento de que a Alemanha é "a força económica determinante da Europa".
Continuar...
 

Saída do Euro :Exportadores seriam os mais beneficiados pelo regresso do escudo

Fim do euro seria um choque para empresas dependentes da importação de matérias-primas. Exportadoras teriam mais facilidades.
E se Portugal sair do euro? Aquilo que há poucos meses ninguém admitia sequer como hipótese remota tornou-se, nas últimas semanas, um cenário progressivamente mais credível.
Continuar...
 

Frederico Costa à frente do Turismo de Portugal

Instituto de Turismo de Portugal vai sofrer uma redução profunda da sua estrutura externa e terá uma administração cruzada com a Aicep.
O novo conselho de administração do Instituto de Turismo de Portugal será presidido por Frederico Costa e contará com mais dois elementos: Maria de Lurdes Vale, até agora adjunta de Álvaro Santos Pereira no ministério da Economia e Luís Matoso, ex-administrador do Euro2004.
Continuar...
 
Pág. 3 de 5